A A A
RR: Medalha de Mérito Cultural e Científico

RR: Medalha de Mérito Cultural e Científico

18-07-2016

A Rota do Românico foi agraciada com a Medalha de Mérito Cultural e Científico – Classe Ouro, atribuída pela Câmara Municipal de Marco de Canaveses.

A cerimónia solene, inserida nas comemorações das Festas do Marco, decorreu na manhã do passado sábado, 16 de julho, na Sala de Espetáculos do Marco Fórum XXI, e contou com a presença da diretora da Rota do Românico, Rosário Correia Machado.

O Marco de Canaveses é, juntamente com Amarante, o município com o maior número de monumentos integrados na Rota do Românico, 10: Capela da Senhora da Livração de Fandinhães, Memorial de Alpendorada, Mosteiro de Santa Maria de Vila Boa do Bispo, Igreja de Santo André de Vila Boa de Quires, Igreja de Santo Isidoro de Canaveses, Igreja de Santa Maria de Sobretâmega, Igreja de São Nicolau de Canaveses, Igreja de São Martinho de Soalhães, Igreja do Salvador de Tabuado e Ponte do Arco.

Para além das componentes imateriais (comunicação, sinalização…), alguns dos citados bens patrimoniais foram já alvo de diversas intervenções de conservação e salvaguarda por parte da Rota do Românico, como foram os casos do Memorial de Alpendorada, da Ponte do Arco e das Igrejas de Vila Boa de Quires, de Santo Isidoro, de São Nicolau e de Tabuado. Na área envolvente da Capela de Fandinhães foram também já realizados trabalhos arqueológicos. A breve prazo, estão já previstas outras intervenções.

A atribuição da Medalha de Mérito Cultural e Científico de Marco de Canaveses constituiu a 11ª distinção que a Rota do Românico recebeu desde 2010, refletindo o reconhecimento pelo trabalho em prol do património, da cultura e do turismo dos vales do Sousa, Douro e Tâmega.