A A A
Imagem do presidente da VALSOUSA, Alberto Santos, na cerimónia de entrega dos Prémios Turismo de Portugal 2010.

Rota do Românico distinguida

13-01-2010

A Rota do Românico do Vale do Sousa foi distinguida com o mais prestigiado galardão nacional do sector turístico, o Prémio Turismo de Portugal.

A cerimónia de atribuição dos Prémios Turismo de Portugal 2009 decorreu no dia 13 de Janeiro, na FIL, no Parque das Nações, em Lisboa, no âmbito do maior evento do nosso país ligado à promoção da oferta turística, a BTL 2010 – Feira Internacional de Turismo.
  
A Rota do Românico venceu o Prémio Turismo de Portugal, na categoria “Requalificação de Projecto Público”, destinado a reconhecer intervenções de natureza material, realizadas por entidades públicas, que contribuam de forma significativa para a qualificação da oferta e para o reforço da atractividade do destino, no âmbito de um ou vários produtos turísticos estratégicos.
  
Na cerimónia de entrega do galardão, presidida pelo secretário de Estado do Turismo, Bernardo Trindade, estiveram presentes, entre outros representantes da região, Rosário Correia Machado, directora da Rota do Românico, e Alberto Santos, na qualidade de presidente da entidade gestora deste projecto, a VALSOUSA – Associação de Municípios do Vale do Sousa.
  
O presidente da VALSOUSA destacou o importante papel que a Rota do Românico, enquanto projecto turístico-cultural assente na valorização do património, tem vindo a desenvolver, desde a sua génese, em 1998, em prol do desenvolvimento sustentado do Vale do Sousa e dos seus municípios (Castelo de Paiva, Felgueiras, Lousada, Paços de Ferreira, Paredes e Penafiel).
  
Alberto Santos aproveitou ainda o momento para anunciar publicamente a recente adesão da Rota do Românico do Vale do Sousa à maior rede de locais e itinerários românicos da Europa, a TRANSROMANICA, bem como apresentou um dos maiores desafios, a breve prazo, da Rota do Românico: o alargamento do projecto aos restantes seis municípios da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa (Amarante, Baião, Celorico de Basto, Cinfães, Marco de Canaveses e Resende).
  
À quinta edição dos Prémios Turismo de Portugal candidataram-se, distribuídos pelas suas sete categorias, 192 projectos, representando um aumento de cerca de 45% face à edição anterior e um incomparável recorde de adesão a esta iniciativa. Na categoria “Requalificação de Projecto Público”, que a Rota do Românico venceu, foram 26 as candidaturas apresentadas. O projecto das novas instalações do Museu Municipal de Penafiel foi um dos cinco finalistas na categoria "Novo Projecto Público".
  
Os Prémios Turismo de Portugal destinam-se a premiar os projectos turísticos de excelência desenvolvidos em Portugal nos últimos dois anos, distinguindo-os pela sua inovação, qualidade e contributo para a atractividade dos destinos nacionais.
  
Além de permitir projectar publicamente os projectos no momento em que são anunciados como vencedores, o uso da distinção “Prémio Turismo de Portugal” nos suportes promocionais das entidades que forem reconhecidas, permitir-lhes-á promoverem-se e diferenciarem-se através daquele que é um dos mais importantes reconhecimentos de qualidade e inovação do turismo nacional.
  
Paralelamente, e no decurso da BTL 2010, vai estar patente, até 17 de Janeiro, no stand do Turismo de Portugal, localizado no Pavilhão 1 da BTL, uma exposição alusiva aos projectos vencedores no âmbito desta iniciativa.
  
Na edição deste ano da BTL, a Rota do Românico integra o inovador e interactivo espaço expositivo do Turismo do Porto e Norte de Portugal, merecendo um grande destaque no âmbito do produto estratégico do “Touring Cultural & Paisagístico e dos Patrimónios”.
  • Prémios Turismo de Portugal 2009 - Troféus Aumentar
  • Prémios Turismo de Portugal 2009 - Rosário Machado, Bernardo Trindade e Alberto Santos Aumentar
  • Prémios Turismo de Portugal 2009 - Alberto Santos Aumentar
  • Prémios Turismo de Portugal 2009 - Alberto Santos Aumentar